29 de outubro de 2012

[Timothy Kurek] Cristão norte-americano passa um ano como homossexual e conta sua experiência em livro


Timothy Kurek | Foto: Divulgação
Um cristão norte-americano decidiu se passar durante um ano por um homossexual para entender como vive um membro da comunidade LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis).

Timothy Kurek cresceu em uma comunidade conservadora, aprendendo conceitos como temer os gays desde a mais tenra idade. Segundo ele, a decisão de fingir ser gay durante um ano se deu quando uma amiga lésbica lhe confidenciou seus problemas familiares.

“Deus me me deu uma lição quando minha amiga chorava em seu braços por causa da rejeição de sua família e eu só conseguia pensar em argumentos para convertê-la”. Segundo o Noticia Cristiana, a partir de então ele empreendeu um jornada pelo mundo gay e sentiu de perto as dificuldades e preconceitos por que passam os homossexuais.

A experiência resultou em um livro intitulado The Cross in the Closet (em tradução livre A Cruz no Armário). Kurek disse a todos que decidiu assumir a homossexualidade, incluindo a família, amigos e igreja. Somente três pessoas sabiam de seu “experimento”: sua tia, seu melhor amigo e um homem gay chamado Shawn.

Ele disse que a primeira vez que entrou em um clube gay teve náuseas quando um homem o abordou. Para fugir do “assédio” dos gays em locais como esse, ele disse a todos que Shawn era seu namorado.

Timothy Kurek, ao centro, autor do Livro "The Cross in the Closet",
com os amigos em seu primeiro dia do Orgulho Gay em Nashville.
Kurek contou também que ficou chocado com o isolamento em que os gays vivem. Antes de tornar-me gay tinha uma vida social muito intensa, mas depois 95% dos meus amigos se afastaram”, diz.

Ele passou por situações difíceis quando ouviu insultos na rua contra sua orientação sexual. Seus amigos tiveram que intervir para impedir uma briga.

Kurek descreve sua experiência como uma jornada de um cristão fariseu para um cristão humilde que terminou por ensiná-lo a reencontrar-se com Jesus.

Fonte: Gospel +

Nenhum comentário: